24/04/2018

Cofen avalia desafios e anseios dos profissionais de nível médio

Após percorrer todo o Brasil, Conatenf apresenta demandas dos profissionais de Enfermagem de nível médio

Conatenf em primeira reunião de plenária da nova gestão Cofen

A Comissão Nacional de Auxiliares e Técnicos de Enfermagem (Conatenf/Cofen) apresentou, na manhã de terça-feira (24/4), na primeira reunião de plenário da nova gestão do Cofen (2015-2018), as principais demandas detectadas pelo Conatenf Itinerante, que percorreu todo o Brasil.

A comissão, formada por 5 membros efetivos e 5 suplentes, relatou como a passagem por todos os estados brasileiros e pelo Distrito Federal durante o período de 2015 a 2018 colaborou com a aproximação dos profissionais com os conselhos federal e regionais, assim como sindicatos, escolas técnicas e entidades representativas.

“Percebemos que muitos profissionais desconhecem o papel dos Conselhos de Enfermagem, o que gera muita frustração, mas o diálogo com as entidades contribui para atuarmos juntos, de forma articulada”, afirmou Rosângela XXX, coordenadora da comissão, que agradeceu o apoio da diretoria do Cofen e de seus funcionários.

“É uma experiência nova para o Sistema Cofen/Conselhos Regionais abrir um diálogo franco, aberto e contínuo com os profissionais.  Não podemos viver encastelados, alheios à realidade dos profissionais que estão na assistência”, afirmou o presidente do Cofen, Manoel Neri.

Com função consultiva e prepositiva, a comissão assessora o plenário do Cofen na tomada de decisões sobre temas que têm impacto direto na profissão. O diálogo aberto com os profissionais de nível médio e a criação de uma comissão consultiva foram compromissos assumidos e cumpridos pela gestão reeleita do Cofen.

Fonte: Ascom – Cofen




  • BannerLateralEdimensionamento-207x117
  • banner_anaiss1-e1349203955613-207x115